• Sudeste/Centro-Oeste
  • Sul
  • Nordeste
  • Norte
  • PREÇOS DE MERCADO

    Semanal Sudeste/CO

      • PLD Semana 1 Semana 2 Semana 3 Semana 4 Semana 5
      •     01/09 - 06/09 07/09 - 13/09 14/09- 20/09 21/09 - 27/09 28/09 - 30/09

    Preços de Mercado - Sudeste/CO

    • Leve R$ 197,63 R$ 206,26 R$ 221,85 R$ 227,15
    • Média R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 228,92 R$ 234,72
    • Pesada R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 228,92 R$ 234,72

    Preços de Mercado - Média Geral - Sudeste/CO

    • Média R$ 200,69 R$ 210,71 R$ 225,55 R$ 231,12
    PLD Médio dos meses anteriores

    Meses Anteriores - Sudeste/Centro Oeste - Novo

    • Agosto
      R$ 237.29
    • Julho
      R$ 185.52
    • Junho
      R$ 78.52
    • Maio
      R$ 135.17
    • Abril
      R$ 180.41
    • Março
      R$ 234.49
  • PREÇOS DE MERCADO

    Semanal Sul

      • PLD Semana 1 Semana 2 Semana 3 Semana 4 Semana 5
      •     01/09 - 06/09 07/09 - 13/09 14/09- 20/09 21/09 - 27/09 28/09 - 30/09

    Preços de Mercado - Sul

    • Leve R$ 197,63 R$ 206,26 R$ 221,85 R$ 227,15
    • Média R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 228,92 R$ 234,72
    • Pesada R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 228,92 R$ 234,72

    Preços de Mercado - Média Geral - Sul

    • Média R$ 200,69 R$ 210,71 R$ 225,55 R$ 231,12
    PLD Médio dos meses anteriores

    Meses Anteriores - Sul - Novo

    • Agosto
      R$ 237.29
    • Julho
      R$ 185.52
    • Junho
      R$ 78.52
    • Maio
      R$ 135.17
    • Abril
      R$ 180.41
    • Março
      R$ 234.49
  • PREÇOS DE MERCADO

    Semanal Nordeste

      • PLD Semana 1 Semana 2 Semana 3 Semana 4 Semana 5
      •     01/09 - 06/09 07/09 - 13/09 14/09- 20/09 21/09 - 27/09 28/09 - 30/09

    Preços de Mercado - Nordeste

    • Leve R$ 196,88 R$ 206,26 R$ 217,37 R$ 227,15
    • Média R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 224,84 R$ 234,72
    • Pesada R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 224,84 R$ 234,72

    Preços de Mercado - Média Geral - Nordeste

    • Média R$ 200,34 R$ 210,71 R$ 221,28 R$ 231,12
    PLD Médio dos meses anteriores

    Meses Anteriores - Nordeste - Novo

    • Agosto
      R$ 211.33
    • Julho
      R$ 177.49
    • Junho
      R$ 78.52
    • Maio
      R$ 50.95
    • Abril
      R$ 42.35
    • Março
      R$ 154.15
  • PREÇOS DE MERCADO

    Semanal Norte

      • PLD Semana 1 Semana 2 Semana 3 Semana 4 Semana 5
      •     01/09 - 06/09 07/09 - 13/09 14/09- 20/09 21/09 - 27/09 28/09 - 30/09

    Preços de Mercado - Norte

    • Leve R$ 196,88 R$ 206,26 R$ 217,37 R$ 227,15
    • Média R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 224,84 R$ 234,72
    • Pesada R$ 203,48 R$ 214,75 R$ 224,84 R$ 234,72

    Preços de Mercado - Média Geral - Norte

    • Média R$ 200,34 R$ 210,71 R$ 221,28 R$ 231,12
    PLD Médio dos meses anteriores

    Meses Anteriores - Norte - Novo

    • Agosto
      R$ 211.33
    • Julho
      R$ 177.49
    • Junho
      R$ 78.52
    • Maio
      R$ 50.95
    • Abril
      R$ 42.35
    • Março
      R$ 42.35

Notícias

28/08/2019

Geração de energia solar cresce 86,6% no país neste primeiro semestre

A geração de grandes usinas de energia solar cresceu 86,6% no primeiro semestre de 2019, de acordo com os dados consolidados do boletim InfoMercado Mensal da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica - CCEE. A produção foi de 485 MW médios em comparação aos 260 MW médios entregues ao Sistema Interligado Nacional – SIN no ano passado neste mesmo período.

 Houve um crescimento vertiginoso em alguns estados. A Bahia aumenta a sua produção em 88% saindo de 92 MW médios no primeiro semestre de 2018 para a atual produção de 173 MW médios - sendo o estado com a maior produção de energia solar do país. No Sudeste, Minas Gerais cresce 94,9% a sua geração de energia desta fonte e, São Paulo, 131%. Ceará, Paraíba e Tocantins começaram a produzir energia solar em 2019.

Brasil dobra a capacidade instalada de usinas para produzir energia solar

A CCEE contabiliza 86 usinas de energia solar fotovoltaica em 2019 em operação comercial, representando um crescimento de 56,4% ante às 55 usinas existentes no primeiro semestre de 2018. Alguns estados também se destacam em relação ao aumento da capacidade instalada. O Ceará salta de apenas 1MW em 2018 para 214 MW; a Paraíba de 27MW para 214 MW e o Tocantins de zero a 5 MW.

O maior produtor de energia solar do semestre, a Bahia, também ampliou a sua capacidade instalada de 444 MW para 652 MW, crescendo em 46,9%. Destaca-se também Pernambuco com o aumento de 290%, Minas Gerais com 62,2% e São Paulo com 45,7%.

 

Ranking - 10 maiores geradores de energia solar - 1º semestre de 2019
Posição Estado 2019 (MWmédios) 2018 (MWmédios) Dif.
Bahia 173 92 88%
Minas Gerais 129 66 94,9%
Piauí 67 67 --
Ceará 36 0,1 22668,3%
São Paulo 30 13 131%
Paraiba 25 0 --
Rio Grande do Norte 14 12 14,1%
Rio Grande do Sul 7,5 7 2,8%
Pernambuco 3 2 58,6%
10º Tocantins 1 0 --
         
         
Ranking - 10 maiores estados com capacidade instalada de energia solar - 1º semestre de 2019
Posição Estado 2019 (MW) 2018 (MW) Dif.
Bahia 652 444 46,8%
Minas Gerais 523 322 62,2%
Piauí 270 270 --
São Paulo 220 151 45,7%
Ceará 214 1 21300%
Paraiba 108 27 301,48%
Rio Grande do Norte 87 87 --
Pernambuco 39 10 290%
Rio Grande do Sul 30 30 --
10º Tocantins 5 0 --

Fonte: CCEE / Notícias

ENTIDADES E ASSOCIADOS:

Aneel - Agência Nacional de Energia Elétrica CCEE - Câmara de Comercialização de Energia Elétrica Abraceel